Esportes

Sem jogar há 3 meses, Carlos Alberto anuncia aposentadoria do futebol aos 34 anos


Muito conhecido no futebol brasileiro, Carlos Alberto anunciou sua aposentadoria do futebol nesta sexta-feira. O agora ex-jogador comunicou a decisão por meio de publicação na sua conta oficial no Instagram. Ele encerra a carreira aos 34 anos, depois de passagem por grandes clubes do Brasil e do mundo.

“Venho comunicar meus fãs, amigos que trabalhei nesses anos da bola e imprensa sobre minha aposentadoria. Uma carreira na qual considero que fui vencedor. Foi uma honra conquistar a Champions League, título mais importante de clubes, com apenas 18 anos. Agradeço todos os clubes que passei, sem exceção, porque mostraram que acreditaram no meu futebol”, escreveu Carlos Alberto.

O ex-meia não informou o que fará a partir de agora, mas indicou que deve continuar ligado ao futebol. Ele tem a intenção de participar de cursos promovidos pela CBF e pela Uefa. “Sempre me dediquei ao máximo por onde passei, mas agora se inicia uma nova fase. O futebol vai continuar na minha vida. Aguardem”, publicou.

A questão física foi o principal motivo para o jogador tomar a decisão de pendurar as chuteiras neste momento. Ele não confirmou, mas há a possibilidade de uma partida de despedida no final do ano.

Seu último clube foi o Boavista, pelo qual disputou o Campeonato Carioca nesta temporada. Esteve em quatro jogos e marcou um gol. A última partida se deu há quase três meses, no dia 24 de março, a vitória por 4 a 2 sobre o Volta Redonda.

Revelado pelo Fluminense em 2002, na época com uma das principais promessas do futebol brasileiro, Carlos Alberto alcançou o auge de sua carreira no Porto, de Portugal, com o qual foi campeão da Liga dos Campeões e do Mundial de Clubes. O time português, à época, era treinado por José Mourinho.

Depois do sucesso na Europa, decidiu retornar ao futebol nacional para defender o Corinthians, pelo qual conquistou o Campeonato Brasileiro de 2005. Acumulou polêmicas e brigas fora do gramado com figuras importantes, como o técnico Emerson Leão, e viveu altos e baixos. O Vasco foi a equipe pela qual mais marcou gols em sua carreira (26) e onde ficou de 2009 até 2013. Também passou por Werder Bremen, da Alemanha, São Paulo, Botafogo, Bahia, Grêmio, Goiás, Figueirense e Athletico-PR, além do Boavista, seu último clube. No total, atuou em 433 jogos e marcou 74 gols.


Saiba mais
+ Morre a atriz Noemi Gerbelli, a diretora Olívia da novela 'Carrossel', aos 68 anos
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais