Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

Na tarde desta sexta-feira, a Seleção Brasileira masculina de futebol realizou o primeiro treino que visa a preparação para a Copa América, no CT do São Paulo. O zagueiro Thiago Silva, do Chelsea, está recuperado da lesão muscular na coxa esquerda que o tirou das duas últimas partidas das Eliminatórias. Ele, inclusive, ainda não havia treinado com o restante do grupo.

No entanto, apesar do retorno aos gramados, é provável que ele inicie a primeira partida da Seleção na Copa América no banco de reservas. A definição sairá no treino deste sábado. As informações são do site ge.

+ Tite confirma união do grupo da seleção brasileira contra Copa América no Brasil

+ Após polêmica e questionamentos, seleção abre Copa América contra a Venezuela

+ Wijnaldum avisa que Holanda não se ajoelhará em protesto antirracista na Eurocopa

O atacante Gabigol, por sua vez, estava em campo dois dias depois do diagnóstico de um edema na perna direita. A lesão, inclusive, gerou uma polêmica entre o Flamengo e o jogador. O Rubro-Negro Carioca pediu para que o atacante fosse até Coritiba, onde a equipe estrearia na Copa do Brasil. Gabigol, contudo baseou-se no laudo da CBF e não se apresentou.

Na primeira parte do treino, Gabigol ficou separado dos atletas e realizou trabalhos de fisioterapia. Depois, contudo, foi integrado ao grupo.

Segundo o site ge, este é o provável time que deve enfrentar a Venezuela na estreia da Copa América, no domingo, às 18h, no estádio Mané Garrincha, em Brasília: Éderson, Danilo, Éder Militão, Marquinhos e Alex Sandro; Casemiro, Fred (Douglas Luiz) e Roberto Firmino; Gabriel Jesus, Neymar e Richarlison