Seguros de cargas crescem e arrecadam R$ 3 bi em oito meses

Agronegócio e importação de vacinas puxam setor, mas sinistros aumentam e já pagaram R$ 1,3 bi

Seguros de cargas crescem e arrecadam R$ 3 bi em oito meses

.


O seguro de transportes de cargas no País está em alta com a retomada das atividades pós-pandemia. Uma curiosidade no setor é que os números são puxados, também, pelas remessas de vacinas e insumos contra o Covid-19 para o Brasil – associadas às exportações do agronegócio.

De janeiro a agosto, a arrecadação do segmento atingiu R$ 2,91 bilhões em volume de prêmios, alta de 32% em relação ao mesmo período de 2020. Contribuiu para isso a demanda crescente pelo transporte aéreo de cargas, aponta a Federação Nacional de Seguros Gerais.

Mas nesse setor cresceu também o volume de sinistros. De janeiro a agosto, as indenizações pagas pelas seguradoras totalizaram R$ 1,338 bilhão, um crescimento de 16% em relação ao mesmo período do ano passado.

“Esse fenômeno é mais acentuado no transporte rodoviário de cargas. Considerando somente acidentes e roubo de cargas, as reservas de sinistros somaram R$ 812,53 milhões nos primeiros oito meses do ano, contra R$ 510,36 milhões em 2020, um crescimento de 59,2%”, aponta a FenSeg.


Saiba mais
+ Morre a atriz Noemi Gerbelli, a diretora Olívia da novela 'Carrossel', aos 68 anos
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais

Tópicos

cargas seguro

Sobre o autor

Leandro Mazzini começou a carreira jornalística em 1996. É graduado em Comunicação Social pela FACHA, do Rio de Janeiro, e pós-graduado em Ciência Política pela UnB. A partir de 2000, passou por ‘Jornal do Brasil’, ‘Agência Rio de Notícias’, ‘Correio do Brasil’, ‘Gazeta Mercantil’ e outros veículos. Assinou o Informe JB de 2007 a 2011, e também foi colunista da Gazeta. Entre 2009 e 2014 apresentou os programas ‘Frente a Frente’ e ‘Tribuna Independente’ (ao vivo) na REDEVIDA de Televisão, em rede, foi comentarista político do telejornal da Vida, na mesma emissora e foi comentarista da Rede Mais/Record TV em MG. Em 2011, lançou a ‘Coluna Esplanada’, reproduzida hoje em mais de 50 jornais de 25 capitais e interior Foi colunista dos portais ‘UOL’ e ‘iG’ desde então, e agora escreve no blog que leva seu sobrenome no portal da ‘Revista Isto É’, onde conta com o trabalho dos jornalistas Walmor Parente e Carolina Freitas, além de correspondentes no Rio e Recife. É também comentarista das rádios ‘JK FM’ em Brasília, ‘Super TUPI’, do Rio, e ‘Rádio Muriaé’.


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2021 - Três Editorial Ltda.
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.