Meio Ambiente

Seca afeta o famoso Lago das Medusas de Palau


A seca que afeta Palau está acabando com a vida marinha no famoso Lago das Medusas, afirmam os cientistas, o que obriga as operadoras de turismo a cancelar as excursões a este destino do Pacífico.

O lago, próximo à capital, Koror, representava uma visita tranquila aos turistas, a maioria procedentes da China.

Mas a seca sem precedentes que afeta o país de 18.000 habitantes reduziu a população de medusas do lago de oito milhões para menos de 600.000 exemplares.

Algumas operadoras de cruzeiros como a Sam’s Tours afirmam que este número é otimista e que a população de medusas caiu a 300.000 unidades ou menos.

A Sam’s Tours não organiza mais visitas ao lago, uma das principais atrações turísticas de Palau. Quatro das cinco operadoras consultadas pela AFP deram a mesma informação.


+ Após cobertura ser arrematada em leilão, Carlinhos Mendigo se recusa deixar propriedade
+ Mulher desaparecida é encontrada dentro de cobra píton
+ Furão é estrela de vídeo que recria cenas do filme Ratatouille



Palau recebe 160.000 visitantes estrangeiros a cada ano, mais da metade procedentes da China, e o turismo é a principal atividade econômica do país.

A seca, agravada pelo fenômeno El Niño, afeta rios e represas, o que obrigou o governo a declarar estado de emergência e pedir ajuda a outros países.

A Fundação de Pesquisas da Barreira de Coral informou que a falta de água de chuva aumentou a salinidade do lago e matou o plâncton que alimentava as medusas.

ns/fp

Veja também

+ Receita simples de bolo Red Velvet
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS