Economia

Se houver 3ª onda, governo pode aumentar ‘economia de guerra’, repete Guedes


O ministro da Economia, Paulo Guedes, repetiu nesta quinta-feira, 27, que, se houver uma terceira onda da pandemia, o governo poderá aumentar a “economia de guerra”. “Se a pandemia fustigar novamente, se uma variante não for atacada pela vacina, se não estiver funcionando, vamos aumentar a economia de guerra. O protocolo está pronto, bata acionar a cláusula de calamidade da PEC Emergencial”, respondeu, em participação durante evento realizado pela Coalizão Indústria.

Mais uma vez, o ministro reforçou que não irá faltar dinheiro para a saúde e nem para uma eventual necessidade de renovação do auxílio emergencial e de outras medidas.

“Temos nossos princípios básicos, em primeiro lugar a saúde dos brasileiros. Temos compromisso é com a saúde e com a economia. Imagine uma economia desorganizada em meio a uma pandemia: o país afunda. Observem os dramas da Venezuela e da Argentina”, disse Guedes.

Saiba mais
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Sprinter vira motorhome completo; conheça o modelo
+ Mulher chama a polícia ao desacreditar que nova vizinha, de 20 anos, era proprietária do imóvel
+ Em pose sexy, Cleo Pires afirma: "Amando essa minha bunda grande"
+ Médicos encontram pedaço de cimento em coração de paciente durante cirurgia
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio