Geral

SC: Adolescente morre após acidente em parque de diversões

Crédito: Divulgação/ Polícia Civil

Uma adolescente de 13 anos morreu em um parque de diversões em Camboriú (SC) no último sábado (9). De acordo com a Polícia Civil, o dono do parque pode responder por homicídio culposo, quando não há intenção de matar. O nome dele e do adolescente não foram divulgados. As informações são do Uol e do G1.

À Polícia Militar, o dono do local informou que o parque estava fechado ao público e que fazia testes nos brinquedos, fora de operação há meses. No momento em que iniciou os testes, não havia ninguém no local, mas crianças começaram a aparecer. Conforme o homem, ele só percebeu a presença do adolescente no momento em que se virou.

O jovem estava perto do brinquedo chamado de Motinha, uma espécie de carrossel com várias réplicas de motos organizadas em círculo, que ficam girando. Na sequência, o homem afirma que viu o menino cair no chão. O adolescente foi socorrido, mas não resistiu.

Ainda segundo a nota da Polícia Civil ao Uol, as investigações aguardam o laudo de necropsia do Instituto Médico Legal para determinar a causa da morte. O dono do parque deve ser ouvido pela Polícia Civil ainda nesta semana.


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Veja o significado dos 10 sonhos mais comuns
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel