Geral

Saúde mental é a maior preocupação dos recrutadores em 2021, aponta pesquisa

Saúde mental é a maior preocupação dos recrutadores em 2021, aponta pesquisa

Home office - Reprodução/Pixabay


De acordo com o 15º Índice de Confiança da Robert Half, a saúde mental é a maior preocupação de 2021 para 28% dos recrutadores entrevistados. As informações são do G1.

Incertezas, desafios do trabalho remoto e oportunidades reduzidas de descanso e férias estão entre os fatores que resultaram em estresse nos profissionais brasileiros: 26% dos entrevistados consideram sensação de equilíbrio entre qualidade de vida e trabalho piorou e 26% acredita que a sensação se manteve igual desde o começo da pandemia.

Somando os dois grupos, o que equivale a 52% dos entrevistados, os principais motivos apontados são: saúde mental (32%), falta de contato próximo com a equipe e gestores (16%) e espaço físico inadequado para o trabalho (10%). Pelo prolongamento da pandemia e a necessidade de distanciamento social, muitos profissionais e empresas optaram pelo adiamento das férias no último ano, o que acumulou em cargas pesadas de trabalho que não foram alternadas com o descanso necessário.

Veja também
+ Corpo de jovem desaparecido é encontrado em caçamba de lixo
+ Corpo de Gabby Petito é encontrado, diz site; legista afirma que foi homicídio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Vídeo: família é flagrada colocando cabelo na comida para não pagar a conta
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Instituto Gabriel Medina fecha portas em Maresias
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio