Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

O elenco do São Paulo encerrou na manhã desta quarta-feira (29), no CT da Barra Funda, a preparação para o duelo com a Universidad Católica pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana.

+ Qual a tatuagem de cada signo?
+ Sasha Meneghel dá mergulho ‘esquisito’ em mar na Itália e brinca: ‘De centavos’
+ Análise do Santo Sudário feita em 1989 pode estar errada

Após o aquecimento, os jogadores realizaram uma atividade técnica. Em seguida, sob o comando de Rogério Ceni, os atletas fizeram um treino de 11 contra 11, com ajustes táticos.

O atacante Nikão (dores no tornozelo esquerdo) e o volante Talles Costa (entorse no tornozelo direito) seguiram a transição para o gramado com a preparação física e novamente tiveram a companhia do lateral-direito Moreira, que voltou após ser cortado da seleção portuguesa sub-18 por conta de uma amigdalite.

A grande novidade ficou por conta da presença do recém-contratado Marcos Guilherme, que fez o primeiro trabalho em seu retorno ao clube. Apresentado ao grupo, o atacante trabalhou com a preparação física ao lado de Nikão, Talles Costa e Moreira.

Um lamento para o treinador, que embarcou para o Chile ainda sem contar com o retorno de nenhum dos atletas que estavam no departamento médico.

Além de Nikão, Talles Costa e Moreira, o clube não conta com Gabriel Sara (cirurgia no tornozelo direito), Alisson (entorse no joelho direito), Andrés Colorado (lesão no reto femoral direito), Caio (cirurgia no ligamento cruzado do joelho direito), Luan (cirurgia no adutor esquerdo) e o zagueiro Arboleda (cirurgia para correção de fratura e lesão ligamentar no tornozelo esquerdo).

Com isso, Ceni continua a sua ideologia de ‘priorizar o que está por vir’. Ou seja, joga quem tem melhores condições a partida que está por vir. Fato que a diretoria, de olho nas verbas pelas classificações principalmente das copas, concordou.

E dentro das convicções, se baseando nos atletas que foram poupados pelo menos no primeiro tempo do empate sem gols com o Juventude, no domingo (27), em pleno Morumbi, o treinador deverá manter o 3-6-1 habitual dos últimos jogos, com Miranda substituindo Arboleda nos 11 iniciais.

O provável Tricolor no Chile deverá jogar com Jandrei; Diego Costa, Miranda e Léo; Igor Vinícius, Igor Gomes, Gabriel Neves, Rodrigo Nestor, Patrick e Reinaldo; Calleri.

Após as atividades desta manhã, a delegação iniciou a viagem para Santiago, onde enfrentará a Universidad Católica na noite desta quinta-feira (30), às 21h30 (de Brasília). O decisivo confronto de volta está agendado para a próxima semana, no Morumbi, no dia 7 de julho (quinta-feira), às 21h30 (também de DF).