Mundo

Sánchez recebe encargo de formar governo na Espanha

MADRI, 12 DEZ (ANSA) – O primeiro-ministro interino da Espanha, Pedro Sánchez, aceitou a designação do rei Filipe VI de tentar formar um novo governo para o país. Com isso, o socialista começará na semana que vem as negociações e conversas com outros partidos para avaliar a possibilidade de obter apoio da maioria em um Parlamento fragmentado. “Os espanhóis estão fartos de brigas e ódio, eles querem acreditar na política de novo”, disse Sánchez.   

Desde 2015, a Espanha vive constantes impasses políticos e eleições nas quais nenhum partido conquista a ampla maioria do Parlamento, forçando negociações entre as legendas. O Partido Socialista (PSOE) venceu o último pleito, em 10 de novembro, o que rendeu a Sánchez a indicação de tentar formar um governo. No entanto, ele ainda precisa ter sua posse, chamada de “investidura”, aprovada pelo Parlamento, que já negou o cargo a Sánchez neste ano, após as eleições de abril, fato que levou à convocação de um novo pleito em novembro. (ANSA)