Televisão

Salário e “rejuvenescimento” teriam motivado saída de Reginaldo Leme da Globo, diz site

Crédito: Divulgação

Reginaldo Leme não faz mais parte do time de comentaristas da TV Globo. De acordo com informações do site NaTelinha, do UOL, a saída não chega a surpreender a direção da emissora, já que, internamente, existe um desejo por parte do departamento de esporte de rejuvenescer a Fórmula 1.

Além disso, a questão financeira também teria motivado a saída de Leme. Muitos profissionais não estão reagindo bem às mudanças recentes do canal, que estão trocando contrato de PJ para CLT.

Ainda segundo o NaTelinha, Reginaldo foi chamado para tratar esse assunto e ele não teria concordado com o novo método. A diminuição seria grande e o jornalista não estaria disposto a continuar com a mesma carga horária e recebendo menos.

A direção do canal chegou a tentar convencer Reginaldo a ficar, afirmando que ele poderia fazer propagandas, que é uma política permitida pela emissora. No entanto, não houve acordo.

Com 74 anos, ele optou por aproveitar mais a família, além de curtir momentos de descanso. Outra motivação para Leme é realizar palestras e participações especiais em outros canais.

A ideia da Globo é que Felipe Giaffone seja o substituto de Reginaldo Leme. Na transmissão do GB de Abu Dhabi, o ex-piloto já marcou presença. Não está descartada a contratação de um novo nome para ocupar o cargo.