Rotas de bike na natureza pelo Brasil

Cicloturismo para experientes e inexperientes

Rotas de bike na natureza pelo Brasil

Rotas de bike na natureza pelo Brasil


Logo quando entramos em quarentena em março deste ano, escrevi um texto sobre a tendência das pessoas em buscarem viagens de auto conhecimento em meio à natureza no pós pandemia, fazendo uma analogia com o que aconteceu em 1920, logo após a gripe espanhola.

+ Uso de bike cresce, mas máscara é raridade
+ As bikes das 5 melhores equipes do mundo, uma delas custa R$ 125 mil
+ Mountain Bike: restrições relativas à covid-19 retiram Brasil do Pan

Naquela época citei entre vários exemplos, como o da exploradora Aloha Wanderwell, que no auge dos seus 16 anos decidiu explorar o planeta e tornou-se celebridade mundial ao viajar por 80 países.

Sim, estamos em fase de urgência em viver, em descobrir e existe uma pressa em alcançar o tempo enclausurado misturado com a alegria de estar com saúde para poder viver-lo, porém a pandemia ainda acabou e estamos com muitas restrições para ir e vir, e devemos respeitá-las para nossa segurança.

Ontem (Dia Mundial do ‘Sem Carro’ aliás) estava lendo uma matéria sobre o brasileiro Jerônimo Oliveira que planeja uma viagem de quatro anos de bicicleta pela América do Sul, passando por Uruguai, Argentina, Chile, Bolívia, Peru, Equador e Colômbia.

Me deu uma vontade muito grande de sair pedalando e me lembrei que o Brasil possui lindas rotas para mountain bike em diversos tamanhos, tanto para atletas experientes, quanto para pessoas que curtem pedalar e não têm tanto tempo assim.

Estrada Real – Minas Gerais

Fotos Divulgação

A Estrada Real é a maior rota turística do país. São mais de 1.630 quilômetros de extensão, passando por Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo, ao todo são 177 cidades, resgatando as tradições do percurso valorizando a identidade e as belezas da região. São 4 caminhos principais, porém, dependendo do seu nível de pedal e tempo disponível, você pode checar o http://www.institutoestradareal.com.br para definir o seu roteiro, baixar o mapa com as cidades e desenhar a sua rota.

Circuito Lagamar – São Paulo

Destinado a iniciantes (pela altimetria plana) o circuito compreende entre as cidades do litoral sul de São Paulo: Ilha Comprida, Iguape, Pariquera-Açu, Jacupiranga e Cananéia com aproximadamente 180 km no total entre trechos de cidade, construções históricas, praia e muita mata atlântica. Para acessar o mapa com o percurso: http://wmmultiambiental.com.br/PERCURSOS

Caminho da Fé – São Paulo e Minas Gerais

Assim como a Estrada Real, o Caminho da Fé também se extende por longos 1500 km muito organizados e bem sinalizados de trilhas, cruzando a Serra da Mantiqueira entre São Paulo e Minas Gerais, com o objetivo de chegar na cidade de Aparecida do Norte – SP. O percurso se divide por 12 principais pontos de iniciação, sendo eles Águas da Prata (principal) Aguaí, Caconde, Centro Paulista, Dom Inácio João dal Monte, Franca, Mococa, Padre Donizetti, Ribeirão Preto, São Carlos Borromeu, Santa Rita de Caldas, Santa Luzia e Tambaú.  No site caminhodafe.com.br eles disponibilizam mapas e um telefone de whatsapp para maiores informações.

Serra da Canastra – Minas Gerais

 A Serra da Canastra é a Disneylândia para os ciclistas. Localizada em Minas Gerais, estamos a exatamente 390 km de São João Batista do Glória, porta de entrada de toda a região que possui 200 mil hectares e abrange vários municípios. Berço do rio São Francisco, ela abriga exóticas cachoeiras, rios, trilhas e animais selvagens.  As opções são infinitas para todos os níveis de habilidade. O pedal da Serra Branca até o Chapadão da Babilônia, é um dos mais legais, porque você pedala em um vale que, segundo os guias locais, abriga uma grande jazida de diamante. Outro pedal, com trechos técnicos e alguns batidões que vale muito é lá na Serra do Letreiro. https://www.serradacanastra.com.br/

Vale Europeu – Santa Catarina

São 300 quilômetros de extensão, passando pelas cidades Timbó, Pomerode, Indaial e Ascurra. O percurso por todo o circuito chega a durar sete dias, mas como todos os outros, pode ser parcialmente explorado em menos tempo. A paisagem se mistura em zonas rurais e construções de estilo alemão que rendem grandes fotos. O circuito é sinalizado e permite o passeio de maneira independente. https://circuitovaleeuropeu.com.br/

Veja também
+ Joice Hasselmann aparece com fraturas e diz acreditar ter sido vítima de ‘atentado’
+ Pintor é expulso de rodízio por comer 15 pratos de massa; assista
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2021 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.