Geral

Rogéria Bolsonaro escolhe tesoureira investigada por rachadinha da Alerj para compor sua equipe

Crédito: Reprodução/Instagram

Rogéria e Flávio Bolsonaro (Crédito: Reprodução/Instagram)

Rogéria Bolsonaro, ex-mulher de Jair Bolsonaro, escolheu Alessandra Cristina Ferreira de Oliveira, uma das investigadas no caso Queiroz, para ser sua coordenadora financeira em sua campanha.

Alessandra trabalhou com Flávio Bolsonaro no gabinete da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), e teve os sigilos bancário quebrados pela Justiça.

A investigada vai ocupar duas funções na campanha eleitoral de Rogéria: contadora e coordenadora financeira. Ela ficará responsável por prestar contas à Justiça Eleitoral, além de ser organizar contratos firmados com gráficas, produções de conteúdo para redes sociais, tv, rádio e também contratos firmados com funcionários

+ “Filho é um inferno e atrapalha”, diz Fábio Porchat sobre não querer ser pai

Veja também

+ A incrível história do judeu que trabalhou para os nazistas na Grécia
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel
+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês
+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Educar é mais importante do que colecionar