Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

Domingo de realização de sonhos para moradores de oito loteamentos localizados às margens da Represa Billings, na região do Alvarenguinha, em São Bernardo. Juntos, o prefeito Orlando Morando e o novo governador do Estado de São Paulo, Rodrigo Garcia, anunciaram o início do processo de urbanização integrada da área, que engloba os núcleos Parque Ideal I e II, Novo Horizonte I e II, Parque dos Químicos, Nova América, Chácara e Cruzeiro do Sul.

A cerimônia realizada neste domingo, 26, e que contou com as presenças da primeira-dama e deputada estadual Carla Morando e do vice-prefeito Marcelo Lima, também autorizou o início das obras do Viaduto Estaiado Robert Kennedy e oficializou a implantação do primeiro Ambulatório Médico de Especialidades (AME) do município.

Com investimento total da ordem de R$ 75 milhões, a urbanização integrada do Alvarenguinha engloba desde obras de saneamento, contenção de encostas, pavimentação, regularização fundiária, lazer completo, além de recuperação ambiental do manancial. Conforme explica o prefeito Orlando Morando, as melhorias beneficiarão 5.000 moradores do entorno, em área de 48,5 hectares.

Em seu discurso, o governador Rodrigo Garcia destacou o impacto que a urbanização do Alvarenguinha fará não apenas para a população de São Bernardo, mas do Estado todo. “Essa é a quarta vez que visito São Bernardo e isso é reflexo do trabalho que temos feito em prol da população. Essa é uma obra que vai beneficiar São Paulo como um todo, já que colaborará para a recuperação da Represa Billings, que é a grande caixa de água do nosso Estado. A licitação será publicada nesta semana e nossa expectativa é a de que dentro de 15 meses as obras estejam concluídas”, afirma.

“É uma alegria sem tamanho poder dar início a esse processo de urbanização do Alvarenguinha, investimento que só está sendo possível graças à atuação da deputada Carla Morando e do nosso vice-prefeito Marcelo Lima, e da eficiência do novo governador Rodrigo Garcia. Sozinha, a Prefeitura não teria condições de arcar com uma obra dessa grandeza, por isso, a importância dessa nova gestão estadual, e da capacidade de investimento do Governo do Estado, que vem proporcionando inúmeras melhorias para São Bernardo”, observou Orlando Morando.

Obras estruturais

O pacote de melhorias para a região do Alvarenguinha prevê, entre as melhorias estruturais, implantação de redes de água e esgoto, contenção de taludes, pavimentação e drenagem, canalização de córrego, construção de novas vias e paradas de ônibus, além de regularização fundiária dos lotes. Na parte de lazer, serão implementadas quadra poliesportiva, pista de caminhada, equipamentos de ginástica, pista de skate e prainha. A área também passará a contar com parque público, canteiros e hortas coletivas, plantio de árvores e mirante.

Ponte Estaiada

Foi autorizado, neste domingo, ainda, o início das obras de construção do Viaduto Estaiado Robert Kennedy, que revolucionará a mobilidade urbana e reduzirá antigo gargalo no trânsito na divisa com Diadema. Os dois viadutos terão 400 metros de extensão cada e ligarão a Avenida Robert Kennedy à futura Avenida Marginal Ribeirão dos Couros, no bairro Jordanópolis, um novo eixo viário que já está em construção e que irá conectar a Avenida Piraporinha, na divisa com Diadema, até o Corredor ABD, nas proximidades do Extra Anchieta.

O novo viaduto estaiado vai otimizar o deslocamento para quem segue para os bairros Paulicéia e Taboão, desafogando o tráfego na Piraporinha. Estima-se que o novo eixo viário deva atender a uma média diária de 20 mil viagens por dia. As intervenções somam mais R$ 133,3 milhões em investimentos, com aporte do município e do governo do Estado.

Novo AME

O novo Ambulatório Médico de Especialidades (AME) será alocado na estrutura do prédio em que funcionava o Hospital Pronto-Socorro Central, desapropriado em agosto de 2021 pela Prefeitura. O equipamento ofertará serviços ambulatoriais especializados, como consultas, exames e procedimentos em diversas áreas da medicina e do diagnóstico. “Esse será o maior AME do Estado, com alto desenvolvimento tecnológico e com um serviço bastante resolutivo para a população”, explica o novo governador.

Além do novo AME, o antigo Pronto-Socorro Central também receberá a Rede Lucy Montoro, após obras realizadas pela Prefeitura, com investimento de cerca de R$ 20 milhões. Após a conclusão, o Governo do Estado auxiliará no custeio da assistência à população da região. A Unidade de Reabilitação Física da Rede Lucy Montoro proverá atendimento a pessoas com deficiência, contando com equipes multidisciplinares, englobando profissionais médicos e não médicos.