Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

Um dos principais festivais do gênero do mundo, o Rock in Rio agora também é Patrimônio Cultural Imaterial do Estado do Rio. A distinção foi sancionada pelo governador Cláudio Castro (PL) e publicada em uma edição extra do Diário Oficial da quarta-feira, 16.

“Ao trazer artistas nacionais e internacionais que são ícones de diferentes estilos e gerações, o Rock In Rio demonstra sua relevância para a cultura e, além disso, ainda estimula a nossa economia. A lei reconhece a importância que o festival tem para o Estado”, afirmou o Castro, ao justificar a lei.

O Rock in Rio teve sua primeira edição em 1985, e este ano será realizado pela 9ª vez na capital fluminense. Além disso, o festival teve edições em Lisboa (Portugal), Madri (Espanha) e Las Vegas (Estados Unidos).

Além de Patrimônio Cultural Imaterial do Estado, o Rock in Rio poderá receber o mesmo reconhecimento na capital.

Na semana passada, a Câmara Municipal aprovou projeto de lei neste sentido. Falta apenas a sanção do prefeito, Eduardo Paes (PSD).