Geral

RJ: Vítima de estupro coletivo diz que foi dopada por abusadores

Crédito: Francisco Anzola/ Wikimedia Commons

A estudante de 14 anos, que denunciou ter sido vítima de um estupro coletivo no Morro do Cantagalo, no Rio de Janeiro, afirmou em depoimento à polícia que acredita ter sido dopada durante um baile funk. De acordo com a vítima, ela perdeu os sentidos subitamente no evento realizado no último dia 26. As informações são do jornal Extra.

Ainda conforme a adolescente, ela foi levada para laje em outro ponto do Cantagalo. Amigas da vítima a encontraram nua em uma mesa, onde ela teria sido violentada por cinco homens, sendo dois deles menores de idade.


A Polícia Civil está investigando o caso após a mãe da vítima registrar um boletim de ocorrência na última segunda-feira (5), na 13ª DP (Copacabana). A menina passou por exames no Instituto Médico Legal que confirmaram a violência sexual.