Esportes

River Plate suspende sócio que atirou bananas na torcida do Fortaleza

O River Plate decidiu punir um dos torcedores que cometeu ato xenófobo e racista contra a torcida do Fortaleza durante encontro dos clubes no dia 13 de abril pela Copa Libertadores, no estádio Monumental de Núñez, em Buenos Aires.

Como pena, o homem – que foi detectado como sócio do clube, mas não teve a identidade revelada – não poderá acompanhar partidas do River Plate pelos próximos seis meses e teve o título suspenso. Além disso, de acordo com o diário argentino Olé, ele terá de realizar um curso de conscientização sobre as consequências do racismo no Instituto Nacional contra a Discriminação, Xenofobia e Racismo (Inadi).


O homem em questão atirou bananas em direção ao espaço reservado aos brasileiros e depois exibiu uma camisa da seleção da Argentina em tom de provocação. Assim como outras pessoas que também praticaram atos racista, o torcedor foi flagrado em vídeos gravados por celulares e teve seu rosto e ato amplamente difundidos nas redes sociais.

Após a reprodução em massa das gravações, o River Plate se manifestou sobre o tema e disse ser totalmente contrário a qualquer ação de discriminação e prometeu que levaria adiante as investigações para reconhecer as pessoas que cometeram as injúrias.

“O River Plate expressa sua absoluta rejeição aos gestos racistas e xenófobos de um torcedor em relação ao lado visitante e anuncia que já está implementando as medidas correspondentes para identificar o culpado e aplicar as sanções cabíveis”, publicou o time argentino em suas páginas sociais.

No vídeo, era possível notar que enquanto o homem atirava bananas na torcida do Fortaleza, muitas pessoas em seu redor riam, faziam gestos obscenos e imitações de macaco. O ato, portanto, não foi isolado apesar de a punição recair inicialmente somente sobre um torcedor. As medidas tomadas pelo River Plate não impedem o clube de receber sanções da Conmebol.

River Plate e Fortaleza voltam a se encontrar no próximo dia 5 de maio, às 19h. Dessa vez o duelo pela fase de grupos da Libertadores será disputado na capital cearense, na Arena Castelão.