Esportes

Ricardo, lenda do voleibol, assume como treinador de dupla no vôlei de praia


Evandro e Álvaro Filho, campeões brasileiros do vôlei de praia, disputarão em Itapema mais uma etapa do Circuito Mundial, com um novo reforço. A partir desta terça-feira, 12, o campeão olímpico e lenda do esporte Ricardo passa a integrar a equipe técnica da dupla, em novo projeto da sua carreira.

Amigo de Álvaro, com quem já construiu uma longa história, Ricardo foi surpreendido pelo convite para se tornar treinador de projeto da dupla. O ex-atleta foi medalhista de ouro no vôlei de praia em Atenas 2004, além de medalhas de prata e bronze em Sydney 2000 e Pequim 2008, respectivamente. Antes dele, Ednílson Costa, o Ed, era o responsável pelo treinamento da dupla campeã brasileira.

“Para mim foi uma surpresa muito grande (receber o convite). Porque eu vim aqui para dar um suporte para o Álvaro. E depois de uma semana ser convidado para ser técnico deles foi uma surpresa e um desafio enorme. Eu já estava vivendo um desafio à frente da equipe italiana e, agora, recebendo esse convite, me motiva ainda mais. Dá uma credibilidade a muito do que eu penso, em tentar me tornar um grande profissional também fora de quadra, como técnico. Nada melhor do que trabalhar com um time como Álvaro e Evandro, que é um time campeão, formado”, afirmou Ricardo.

Álvaro iniciou sua carreira com Ricardo, em João Pessoa, e não esconde o carinho que tem pelo campeão olímpico. “Tenho um carinho muito especial e sou até suspeito para falar. Iniciei minha carreira com ele, como um sparring. Depois tive a honra de jogar ao lado dele, conquistar títulos e agora é como se tivesse completando um ciclo, tendo ele como meu treinador. É uma pessoa que eu respeito muito, tenho muito carinho e admiração. E como treinador ele já vem demonstrando que tem muito potencial, desde o trabalho que desenvolveu nos Estados Unido. E ele passar um pouco isso para o nosso time vai ser muito valioso”, analisou o atleta.

Nesse início de 2022, Evandro passou por um momento complicado, com uma fratura exposta no dedinho da mão esquerda. Também encerrou o relacionamento com seu treinador Ed, que comandava a dupla. “Muito melhor ter o Ricardo ao meu lado, me incentivando, me cobrando bastante, do que jogando contra”, pontuou o atleta.

“Ele (Ricardo) já chegou comandando, cobrando o time. Só assim a gente vai crescer e sair da nossa zona de conforto. Espero que ele consiga ficar à vontade e temos muitas coisas para disputar e, quem sabe, conquistar juntos. Queremos chegar bem já em Itapema, com novo técnico e vamos juntos e firmes”, concluiu Evandro.