Esportes

Ricardo Gomes minimiza distância na tabela e vê Botafogo motivado contra o líder

Na zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro, o Botafogo tem pela frente neste domingo ninguém menos que o líder da competição, o Palmeiras, no estádio Luso Brasileiro, no Rio. Mesmo em situações opostas na tabela de classificação – os cariocas têm 17 pontos e os paulistas, 32 -, o técnico Ricardo Gomes não se mostra desanimado e promete uma equipe motivada em campo.

“Nem um incentivo e muito menos peso. Temos que aproveitar um grande clássico. É isso. Apesar da diferença na pontuação, é um grande jogo para qualquer um. O Palmeiras tem um time agressivo, rápido e técnico. O (treinador) Cuca não estará em campo, mas não importa. O que vale é o trabalho feito durante a semana e o Palmeiras é líder por isso, não só pelo treinador na beira do campo”, disse Ricardo Gomes.

Um forte aliado na busca pela vitória é o estádio Luso Brasileiro, casa alvinegra em que o Botafogo ainda não perdeu desde a inauguração. Recentemente, vitória por 1 a 0 contra o Bragantino e classificação às oitavas de final da Copa do Brasil. “Não há nada melhor do que jogar em casa contra um grande clube. O torcedor do Botafogo vai comparecer, não tenho dúvida disso. Acertei de novo. Na quarta-feira tivemos um bom público e o torcedor nos apoiará mais uma vez”, disse o treinador.

Confiante na atuação de sua equipe, Ricardo Gomes igualou as coisas com relação ao Palmeiras e falou da grandeza do jogo independentemente da condição das equipes na tabela de classificação. “Não é o caso de ser imbatível. Independentemente da situação do Palmeiras, será um grande jogo. Por acaso o Palmeiras é o líder, mas mesmo se não fosse essa partida é aquela que todos querem jogar. Isso aumenta minha confiança, temos um time jovem e que busca crescer. Nesses jogos você firma ou não”, destacou o comandante.