Esportes

Ricardo Gomes confirma que Jefferson é dúvida para estreia no Brasileiro

Principal nome do time do Botafogo, Jefferson acabou se lesionando contra o Juazeirense, na noite da última quinta-feira, em Juazeiro do Norte (BA), onde a equipe carioca venceu por 2 a 1 no confronto de ida da segunda fase da Copa do Brasil. Com muitas dores no braço esquerdo, o goleiro precisou ser substituído por Helton Leite no início do segundo tempo do duelo.

Após a partida, o técnico Ricardo Gomes confirmou que o jogador é dúvida para a estreia do time botafoguense no Campeonato Brasileiro, domingo, às 11 horas, contra o São Paulo, em Volta Redonda. Ao ser questionado em entrevista coletiva se o atleta teria presença garantida no confronto, o comandante respondeu: “Garantido não. Fez exame, tem que esperar a reação da lesão. Vamos ver”.

Ironicamente, o substituto de Jefferson, Helton Leite, acabou falhando no lance do gol do Juazeirense, que então perdia por 2 a 0 em resultado que iria dar ao Botafogo a vaga antecipada à terceira fase da Copa do Brasil. Embora tenha dito que “tinha muita gente na sua frente”, o reserva da posição vacilou ao deixar uma falta cobrada sem muita força por Alex Travassos entrar no gol.

Por não ter conseguido vencer por dois gols de diferença, a equipe alvinegra terá de disputar a partida de volta do mata-mata, na próxima quinta-feira, no estádio Los Larios, em Duque de Caxias (RJ), podendo até perder por 1 a 0 para avançar na Copa do Brasil, tendo em vista o maior peso dos gols marcados fora de casa.

Ao comentar a sua lesão, Jefferson revelou ter jogado com o braço “praticamente mole” no primeiro tempo, antes de não resistir mais ao problema na etapa final. “No segundo, falei para o professor (Ricardo Gomes) que não estava aguentando e, quando fiz a primeira defesa, não aguentei. Não estou nem conseguindo sentir o braço direito”, afirmou o jogador em entrevista à Rádio Globo.

Ricardo Gomes, por sua vez, disse que agora está focando apenas o duelo diante do São Paulo, que marcará o retorno do Botafogo à Série A. E, ao falar sobre o duelo de volta com o Juazeirense, ele reconheceu que o time “teve boa atuação e não merecia a eliminação” pelo que mostrou nesta quinta. “Foi um time aguerrido, organizado. Nos primeiros minutos não estavam bem, mas encontraram uma forma de jogar e deram trabalho. Tem bons jogadores e dois ou três deles me chamaram a atenção”, afirmou.