Esportes

Ricardo Gareca proíbe seleção do Peru de tomar vacina contra Covid-19

Crédito: Reprodução Twitter

Ricardo Gareca comandando treinamento da seleção peruana (Crédito: Reprodução Twitter)


O técnico da seleção do Peru, Ricardo Gareca, impediu que seus jogadores e a sua comissão fossem vacinados. A justificativa do argentino foi que com a imunização, com vacinas enviadas pela Conmebol, os atletas peruanos e os demais da delegação seriam privilegiados em detrimentos de pessoas prioritárias.

Além dos 50 jogadores listados por Gareca em prévia para a Copa América, a entidade máxima do futebol sul-americano iria fornecer o imunizante para toda comissão técnica, o que incluiria o treinador, mas preferiu o técnico questionou o motivo da Conmebol não destinar essas doses aos idosos ou pessoas portadoras de comorbidades.

Outro ponto que gerou impasse foram a origem das vacinas, como a Conmebol recebeu o imunizante da Sinovac, as quais não são aceitas no Peru e na Argentina. Mesmo assim, a entidade informou que enviaria doses da Pfizer.

A suspensão da vacinação da seleção peruana foi confirmada pelo ministro da saúde do Peru, Óscar Ugarte. Até o momento, somente pessoas acima de 70 anos estão recebendo o imunizante da Pfizer e o país soma mais de 64 mil mortes pela Covid.

Veja também
+ Corpo de jovem desaparecido é encontrado em caçamba de lixo
+ Corpo de Gabby Petito é encontrado, diz site; legista afirma que foi homicídio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Vídeo: família é flagrada colocando cabelo na comida para não pagar a conta
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Instituto Gabriel Medina fecha portas em Maresias
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio