Esportes

Rescisão de contrato é publicada no BID e Biro Biro deixa Botafogo

Biro Biro não é mais jogador do Botafogo. Nesta quarta-feira, o atacante teve a rescisão de seu contrato com o clube carioca publicada no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF. Clube e atleta apontaram no mês passado que, sem o vínculo, o jogador se sentirá menos pressionado durante a recuperação e ficará menos ansioso com a situação. Com isso, o tratamento deixa de ser pago pelo clube.

O jogador, de 24 anos, deixou o campo de treinamento, no dia 16 de julho, desacordado após sofrer uma síncope, uma perda momentânea de consciência.

Biro Biro tem histórico de problema cardíaco. No ano passado, ele precisou passar por um procedimento médico, chamado de ablação, para corrigir uma arritmia cardíaca, detectada no período em que ele estava atuando no futebol chinês.

Biro Biro foi contratado pelo Botafogo por empréstimo junto ao Nova Iguaçu e foi oficializado como reforço botafoguense no início de junho. Antes disso, ele esteve no São Paulo, quando disputou seu último jogo em 24 de fevereiro. Foram apenas duas participações pelo clube do Morumbi.

Após a crise durante o treino, Biro Biro tem passado por exames. Em outubro, terá o resultado de um estudo que pode definir se poderá dar prosseguimento a sua carreira. Neste período, Biro Biro segue afastado do futebol, toma remédios e faz atividades físicas moderadas.

O Botafogo volta a jogar pelo Campeonato Brasileiro, sábado, às 11 horas, no Engenhão, pela primeira rodada do returno, diante do São Paulo. O técnico Eduardo Barroca não deverá contar com seus dois jogadores mais importantes do ataque.

O experiente Diego Souza, autor de sete gols na temporada, está emprestado pelo São Paulo e, por contrato, não pode enfrentar sua ex-equipe, a não ser que seja paga uma multa, possibilidade que não existe pelo mau momento financeiro pelo qual passa o clube carioca.

Alex Santana, autor de dez gols na temporada, ainda se recupera de lesão no tornozelo direito e também deve ficar de fora do próximo compromisso da equipe, que está em décimo lugar na classificação do Brasileiro, com 27 pontos.