Esportes

Renê não se ilude com a vantagem do Fla em final: ‘Vai ser um jogo muito difícil’

O lateral-esquerdo Renê não se ilude com a vantagem de 2 a 0 obtida pelo Flamengo no primeiro jogo da decisão do Campeonato Carioca, diante do Vasco. Segundo o jogador, o rubro-negro deverá entrar em campo com a atenção redobrada para o segundo duelo, neste domingo, às 16 horas, no Maracanã.

“Temos de entrar concentrados em campo para conseguirmos fazer um grande jogo, como foi o primeiro. É um clássico, jogo muito duro e se não tivermos cuidado as coisas podem reverter”, disse o jogador, nesta sexta-feira, durante entrevista coletiva.

O lateral espera por um jogo mais disputado. “O Vasco vai precisa ir atrás do resultado. Temos de aproveitar esta situação para atacar e também buscar a vitória. Vai ser um jogo muito difícil. Vamos ter de realizar um grande jogo.”

Renê comentou o fato de não poder contar com Bruno Henrique no setor esquerdo do ataque, pois o companheiro de equipe está suspenso. “Ele (Bruno Henrique) possui características próprias. É alto, rápido, forte e se movimenta muito em campo. O Diego já é um articulador de jogadas, que nos dá muitas opções na partida.”

Sobre o compromisso de quarta-feira, no Equador, diante da LDU, pela quinta rodada da fase de grupos da Libertadores, Renê disse que prefere pensar neste duelo somente a partir de segunda. “Temos de pensar jogo a jogo. Antes temos uma decisão de Estadual, com estádio lotado, frente ao mar rival. Sabemos da importância que tem essa partida. Na segunda-feira vamos conversar para saber o que poderemos fazer na quarta-feira.”

Veja também

+ Toyota Corolla Cross é SUV do Corolla para brigar com Jeep Compass e cia; confira imagens oficias
+ MasterChef estreia sem "supercampeão" e cheio de mudanças
+ Gafanhotos: cidade na Bahia enfrenta invasão de insetos
+ Coronel da PM diz que Bolsonaro é ‘falastrão’ e renuncia à entidade de Oficiais
+ Fundador da Ricardo Eletro e filha são presos em operação contra sonegação
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior