Esportes

Renault surpreende e antecipa troca de Palmer por Sainz Jr nos EUA

A Renault surpreendeu neste sábado ao antecipar uma mudança na sua dupla de pilotos. Quase um mês depois de anunciar acerto com Carlos Sainz Jr para a temporada 2018 da Fórmula 1, a equipe francesa definiu que o espanhol já será seu piloto a partir do GP dos Estados Unidos, marcado para o dia 22.

Com o anúncio, o britânico Jolyon Palmer fará sua despedida da Renault neste domingo, no GP do Japão, em Suzuka. “Será minha última corrida pela equipe. Esta última temporada tem sido desafiadora e eu passei por muitas coisas nestes últimos três anos. Mas foi uma grande jornada com a equipe”, disse Palmer, que defendeu a Renault nestas últimas duas temporadas – em 2015, foi piloto de testes quando o time ainda se chamava Lotus.

De acordo com a Renault, a saída de Palmer foi resultado de um “acordo mútuo” entre as partes. Com a decisão, o piloto britânico tem chances remotas de permanecer na F-1 em 2018, após duas temporadas na categoria na qual não mostrou grandes performances. Seu melhor resultado foi o sexto lugar obtido no GP de Cingapura, no mês passado.

O anúncio também vai marcar a despedida de Carlos Sainz Jr da Toro Rosso, equipe satélite da Red Bull. O espanhol é o atual nono colocado no Mundial de Pilotos. “Gostaria de agradecer à Toro Rosso e à Red Bull por me darem a possibilidade de terminar a temporada pela Renault”, declarou Sainz Jr.

“E também gostaria de agradecer a todos os meus engenheiros e mecânicos pelo apoio e grande trabalho ao longo destes anos. A Toro Rosso é feita de um fantástico grupo de pessoas e eu só desejo o melhor para todos no futuro”, disse o espanhol.

Como resultado da saída de Carlos Sainz Jr para a Renault, a Toro Rosso vai promover o retorno do russo Daniil Kvyat para o GP dos EUA. O piloto da Rússia havia perdido sua vaga para o francês Pierre Gasly no GP da Malásia. E agora retornará ao time para ocupar a vaga de Sainz Jr na prova a ser disputada em Austin.