Esportes

Renato Gaúcho valoriza ponto do Grêmio fora antes de parada do Brasileirão

Crédito: Lucas Uebel | Grêmio FBPA

Não foi o resultado que a torcida do Grêmio esperava. Tentando se aproximar dos líderes do Brasileirão antes da parada do campeonato para a Copa do Mundo, o time gaúcho ficou no empate por 1 a 1 com o Sport, na noite desta quarta-feira, na Ilha do Retiro, no Recife. O técnico Renato Gaúcho, no entanto, se mostrou satisfeito com o resultado.

“Conquistamos um ponto importantíssimo. Pelo que a gente fez em campo, não é fácil vir enfrentar o Sport na casa deles, brigando pelo pelotão da frente, sem cinco ou seis titulares”, avaliou o treinador, satisfeito também com a quinta colocação na tabela, na beira do G-4.

“O Grêmio se encontra no momento em quinto, pode perder só mais uma posição, acredito que até a folga, o Grêmio esteve perfeito. Conquistou dois títulos, conseguiu o que eu tinha pedido de classificar na Copa do Brasil, classificou na Libertadores, sendo a segunda melhor campanha, e pedi para o Grêmio classificar neste pelotão da frente até a folga”, comentou.

Em uma avaliação desta primeira parte do Brasileirão, Renato Gaúcho só teve elogios para o seu time. “O Grêmio termina com a melhor defesa, mesmo com todos os problemas, e um dos melhores ataques. Estão todos de parabéns. Até hoje o meu grupo esteve perfeito. Melhor que isso, quase impossível.”

Para o técnico, o Grêmio só não está em posição melhor no campeonato por causa do desgaste físico e das contusões. “Devido aos problemas de lesões, viagens, desgaste. Não tenho do que me queixar. Dei parabéns, vão curtir a folga merecida”, declarou.