Esportes

Renan Dal Zotto celebra título e valoriza Copa do Mundo: ‘Competição tradicional’

O técnico Renan Dal Zotto comemorou nesta segunda-feira sua maior conquista no comando da seleção brasileira masculina de vôlei. Ele festejou o título com os jogadores e tratou de valorizar a competição, que só está abaixo dos Jogos Olímpicos e do Campeonato Mundial, ambos também disputados a cada quatro anos.

“Muito feliz com o resultado do jogo, e claro, com a conquista do título antecipado da Copa do Mundo. Desde a primeira coletiva de imprensa, reafirmei a importância deste campeonato para o Brasil, uma competição tradicional, onde chegamos sempre fortes”, declarou o treinador.

A conquista brasileira foi obtida por antecipação no campeonato disputados por pontos corridos. Ao vencer o Japão por 3 sets a 1, o time de Renan assegurou a primeira colocação, sem conseguir mais ser alcançado pela Polônia, vice-líder da tabela. O Brasil encerrará sua participação na Copa do Mundo diante da Itália, nesta terça, às 3h (horário de Brasília).

O Brasil tentará encerrar sua campanha de forma invicta, após somar dez vitórias em dez jogos. “Quero parabenizar cada atleta que se empenhou ao máximo durante os treinamentos. Estamos encerrando mais uma etapa após a partida de amanhã, contra a Itália, e eles estão de parabéns não só pelos resultados, mas pelo comprometimento e empenho nos treinos”, afirmou Renan.

Uma das lideranças da equipe, o levantador Bruninho também valorizou o bom desempenho da equipe nestas últimas duas semanas. “Estou muito feliz por vencermos uma competição difícil como essa, trabalhamos por meses, foram 11 jogos em 15 dias, é um ritmo intenso, não é fácil”, disse o experiente jogador.

“Estou orgulhoso, pois esse grupo mereceu este momento e agora vamos comemorar. Nosso povo, a imprensa brasileira espera muito de nós e fomos capazes de atender, conseguimos o título. Sabíamos que o Japão vinha jogando muito bem, realizando uma ótima campanha neste torneio. Eles possuem atletas que sacam muito bem, são muito fortes neste fundamento. Isso dificultou nosso sistema em alguns momentos”, afirmou.

O maior pontuador da seleção e da partida foi o ponteiro Leal, com 24 pontos, equivalente a quase um set inteiro, com 19 de ataque, três de bloqueio e dois de saque. Alan, que exibiu regularidade ao longo do campeonato, anotou 16.