Mundo

Regime sírio assume controle de cidade-chave na região de Idlib, segundo ONG

Regime sírio assume controle de cidade-chave na região de Idlib, segundo ONG

Imagem de Jan Sheijun devastada pelos combates - AFP/Arquivos

As forças do regime sírio tomaram a cidade estratégica de Jan Sheikhun, próxima de um posto de observação das forças turcas no noroeste do país, informou nesta-terça-feira uma ONG.

“As forças do regime tomaram completamente a cidade de Jan Sheijun e estão atualmente retirando minas explosivas do local”, anunciou o diretor do Observatório Sírio para os Direitos Humanos (OSDH), Rami Abdel Rahman.

Os combatentes pró-governo “cercaram uma área que se estende do sul de Jan Sheikhun ao norte da província de Hama, cortando todas as estradas” para as tropas turcas na cidade vizinha de Morek, acrescentou Rahman.

Segundo o ODSH, 21 combatentes rebeldes, incluindo 18 extremistas, foram mortos nesta quarta-feira em vários confrontos, assim como dez integrantes das forças legais ou leais ao regime de Bashar Al Asad.

O avanço veio depois de uma forte luta contra os rebeldes e jihadistas que controlam a região de Idlib, na fronteira com a Turquia, que é o maior reduto de oposição ao regime sírio, apoiado pela Rússia.

Desde janeiro, a região é liderada pela aliança Hayat Tahrir Al Sham, que fazia parte da Al Qaeda na Síria.

Pelo menos 890 civis morreram em Idlib desde abril, segundo a OSDH, sediada em Londres, mas com uma rede de informantes no local do conflito.

Nesta região onde vivem cerca de três milhões de pessoas, 400 mil tiveram que deixar suas casas por causa dos combates nesse período, de acordo com as Nações Unidas.