Economia

Redução no IPI pode ampliar investimentos em R$ 534 bi em 15 anos, diz governo


A secretária especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, Daniella Marques, afirmou nesta sexta-feira que a ampliação de 25% para 35% da redução de alíquotas do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) tem potencial para ampliar os investimentos no Brasil em R$ 534 bilhões nos próximos 15 anos.

Segundo ela, a medida beneficia 300 mil empresas do setor industrial, preserva a meta fiscal e transforma o aumento da arrecadação em redução de impostos.

A medida, publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira, 29, terá vigência a partir de 1º de maio.

“A expectativa é a de que mercadorias sejam barateadas para o consumidor final. Por exemplo, o imposto sobre geladeiras cai de 20% para 13%. Continuaremos buscando soluções nessa direção, com responsabilidade fiscal”, disse ela.

Zona Franca de Manaus

Segundo Daniella, os produtos fabricados na Zona Franca de Manaus tiveram a competitividade preservada e 76% deles foram excluídos do novo decreto.

“O grupo de produtos da Zona Franca de Manaus segue com redução de 25% do IPI”, disse a secretária especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia.