Esportes

Rebaixado, Santa Cruz goleia o Juventude na despedida de temporada negativa

Sem pretensões e com pouco interesse no resultado em si, Santa Cruz e Juventude fizeram um dos melhores jogos do Campeonato Brasileiro da Série B quando o assunto é gol. O time pernambucano se despediu da segunda divisão nacional com uma goleada sobre o Juventude pelo placar de 5 a 2, em partida realizada nesta terça-feira, no estádio do Arruda, no Recife, pela 38.ª e última rodada.

Com o resultado, o Santa Cruz subiu para a 18.ª colocação com 37 pontos, contra 51 do Juventude, que aparece na oitava posição. O time pernambucano não vencia há 13 rodadas. A última vitória havia acontecido no dia 15 de setembro – 3 a 0 frente ao Goiás.

Sem pressão e já com o futuro definido, o Santa Cruz fez a sua melhor partida na Série B. Após um começo truncado, com boas chances de ambos os lados, o time pernambucano começou a engrenar aos 39 minutos. Após cobrança de escanteio, William Barbio pegou de sem-pulo para defesa de Raul. A bola ficou viva dentro da área, até que Anderson Salles chutou para o fundo das redes.

O gol só deu mais fôlego ao mandante, que ampliou aos 43 minutos. William Barbio tabelou com Ananias e chutou para fazer 2 a 0. O Juventude sentiu o baque e só foi diminuir na etapa final, após dura conversa no vestiário. Aos cinco, Bruno Collaço cobrou a falta na cabeça de Mateus Santana. Ele só teve o trabalho de desviar.

Mas a resposta do time pernambucano foi imediata. Marcílio recebeu com liberdade, invadiu a área e encheu o pé para fazer o terceiro do Santa Cruz. O time da casa fez o quarto aos 13 minutos. Após bola alçada dentro da área do Juventude, Halef Pitbull completou para o gol.

O time pernambucano seguiu pressionando, enquanto que o gaúcho não demonstrava forças para evitar uma goleada. O quinto só não veio aos 21 minutos pois a tentativa de Thiago Primão ficou na trave do goleiro Raul. Mas, antes do apito final, o Santa Cruz selou a goleada. Aos 23, Halef Pitbull encontrou William Barbio livre pela direita. O atacante entrou na área e tocou na saída do goleiro Raul para fazer 5 a 1.

O Juventude resolveu jogar nos minutos finais e diminuiu o placar. Aos 43 minutos, a defesa do Santa Cruz cortou mal, após cobrança de escanteio, e a bola sobrou limpa para Felipe Lima, que deixou o seu no estádio do Arruda. Fim de jogo e de temporada para os dois times.

FICHA TÉCNICA

SANTA CRUZ 5 x 2 JUVENTUDE

SANTA CRUZ – Jacsson; Nininho (Vitor), Bruno Silva, Anderson Salles e Yuri (Walber); João Ananias, Marcílio (Lucas Gomes) e Thiago Primão; João Paulo, William Barbio e Halef Pitbull. Técnico: Adriano Teixeira.

JUVENTUDE – Raul; Bruninho (Wallacer), Micael, Maurício e Bruno Collaço; Vacaria (Yago), Mateus Santana, Juninho, Wesley Natã (Felipe Lima) e Ramon; João Paulo. Técnico: Antônio Carlos Zago.

GOLS – Anderson Salles, aos 38, e William Barbio, aos 43 minutos do primeiro tempo; Mateus Santana, aos 5, Marcílio, aos 11, Halef Pittbull, aos 13, William Barbio, aos 22, e Felipe Lima, aos 43 minutos do segundo tempo.

CARTÃO AMARELO – Não houve.

ÁRBITRO – Paulo Henrique de Melo Salmazio (MS).

RENDA – R$ 3.140,00.

PÚBLICO – 1.502 pagantes.

LOCAL – Estádio do Arruda, no Recife (PE).