Esportes

Rashford ganha título do Império Britânico por ação contra a fome de crianças carentes

Crédito: Reprodução Twitter

O atacante do Manchester United, Marcus Rashford recebeu o prêmio de Membro do Império Britânico nesta terça-feira (9). A honraria já havia sido concedida ao jovem de 24 anos em 202, mas por conta da pandemia a cerimônia só foi realizada neste ano no Castelo de Windsor.

O motivo da condecoração foi a atuação de Rashford durante a fase mais crítica da pandemia na Inglaterra, na qual o jogador enviou uma carta pública ao parlamento inglês contra o possível corte do vale-alimentação para famílias carentes no Reino Unido. A atitude levou o governo a criar um fundo para que 1,3 milhão de crianças recebessem o vale-refeição grátis na Inglaterra.


Para quem acompanha o atacante do United nas redes sociais já é comum ver o atleta se posicionando sobre temas delicados e com forte atuação em causas nobres. Recentemente o tema da saúde mental no ambiente esportivo foi fortemente discutido após a ginasta norte-americana Simone Biles não disputar em algumas provas na Olimpíada de Tóquio. A atleta alegou estar abalada emocionalmente e sem segurança para competir.

Nesse sentido, Rashford foi além e lançou um livro de autoajuda para crianças: “You are a champion: How to be the best you can be” (Você é um campeão: Como ser o melhor que você pode ser, em português). O principal objetivo da obra é mostrar para meninos e meninas entre 11 e 16 anos a importância da parte mental para o sucesso no mundo do esporte.