Economia

Raia Drogasil tem lucro líquido de R$ 143,275 milhões no 4º trimestre

A Raia Drogasil (RD) registrou lucro líquido de R$ 143,275 milhões no quarto trimestre de 2019, crescimento de 17,9% em relação ao mesmo período de 2018. Em todo o ano passado, a companhia teve ganhos de R$ 542,914 milhões, avanço de 6,5%. No critério ajustado, o lucro da RD ficou em R$ 168,692 no trimestre, número 9,2% maior na comparação anual. No ano, o ganho ajustado ficou em R$ 587,148 milhões, avanço de 7%.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) da RD somou R$ 311,92 milhões entre outubro e dezembro de 2019, alta de 19,3% ante o mesmo período de 2018. O indicador ajustado ficou em R$ 350,431 milhões, avanço de 12,6%. No ano, o Ebitda ajustado ficou em R$ 1,343 bilhão, crescimento de 12,3% frente a 2018.

A receita líquida da RD no trimestre ficou em R$ 4,785 bilhões, um crescimento de 19,7% na comparação com o mesmo período de 2018. No ano, as receitas somaram R$ 17,502 bilhões, avanço de 18,2%.

O resultado financeiro da RE no quarto trimestre ficou negativo em R$ 13 milhões, e no ano, negativo em R$ 106,2 milhões. A dívida líquida cresceu 37,5% em um ano, para R$ 827,3 milhões. No critério ajustado, esse valor chegou a R$ 923,4 milhões, valor 25,6% maior que ao final de 2018. Assim, o nível de alavancagem, medido pela relação dívida líquida/Ebitda, passou de 0,6 vez para 0,7 vez em um ano.

Veja também

+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel