Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

LONDRES (Reuters) – O embaixador da Rússia no Reino Unido disse nesta quinta-feira que a queda de Boris Johnson foi uma recompensa justa por uma política antirrussa “beligerante” de apoio à Ucrânia, ignorando as necessidades econômicas do povo britânico.

“Ele se concentrou demais na situação geopolítica, na Ucrânia”, disse à Reuters Andrei Kelin, embaixador russo no Reino Unido, em entrevista em Londres.

“Ele deixou para trás o país, as pessoas, o estado da economia, e foi isso que trouxe esse resultado”, disse Kelin em inglês. “Claro que preferimos alguém que não seja tão antagônico ou beligerante.”

Johnson, o rosto da campanha do Brexit de 2016 que obteve uma retumbante vitória eleitoral em 2019 antes de tirar o Reino Unido da União Europeia, anunciou que estava renunciando ao cargo nesta quinta depois de ter sido abandonado por ministros e pela maioria dos parlamentares de seu Partido Conservador por uma série de escândalos.

(Reportagem de Jake Cordell)

tagreuters.com2022binary_LYNXMPEI660U0-BASEIMAGE