Um avião caiu no Equador nesta terça-feira (28), deixando dois mortos e um ferido, no terceiro acidente aéreo registrado no país em dois meses, informou a Direção-Geral de Aviação Civil (DGAC).

“Foram reportados dois mortos, o piloto Capitão David Parreño e o passageiro Augusto Viera”, informou a DGAC em nota, acrescentando que outro passageiro “foi transferido para um hospital para assistência médica”.

As causas do acidente não foram mencionadas.

A aeronave da empresa Endecots S.A. fazia a rota entre Guayaquil, na província de Guayas, e Santa Rosa, na vizinha El Oro.

Este é o terceiro acidente aéreo registrado no Equador em dois meses. O primeiro ocorreu em 26 de abril, quando um helicóptero militar com oito tripulantes caiu na província amazônica de Pastaza (leste, na fronteira com o Peru), sem deixar sobreviventes.

A aeronave levava ajuda humanitária às comunidades afetadas por inundações.

No início de maio, outro helicóptero militar caiu na província costeira de Santa Elena (sudoeste), causando duas mortes.

pld/nn/yr/mvv