Esportes

Quatro atletas do Inter testam positivo para COVID-19

Elenco passou por exames na última segunda-feira e o quarteto apresentou o vírus no corpo

Quatro atletas do Inter testam positivo para COVID-19

Após testar os atletas na reapresentação, o Internacional confirmou que quatro jogadores testaram positivo para COVID-19. Como medida de precaução, mesmo com todos em estado assintomático, o quarteto se encontra em quarentena.

Assim como em outros clubes, a diretoria do Colorado preservou a identidade de todos e nenhum nome foi revelado.

Apesar da notícia negativa, o Internacional não pretende interromper as atividades no CT Parque Gigante e vai continuar com os protocolos para dar conforto ao elenco.

‘Nós continuamos solicitando para que façamos coletivos porque o protocolo tá mostrando que é efetivo, funciona. Está mostrando porque estamos realizando diariamente’, afirmou Luiz Crescente, coordenador de Saúde do Inter.

Confira a nota do Internacional:

‘O Sport Club Internacional comunica que finalizou a bateria de testes no método RT-PCR nesta terça-feira. Informamos que quatro atletas foram detectados com resultado positivo para coronavírus. Todos encontram-se assintomáticos e já estão afastados das atividades. Para retornarem aos treinamentos, os jogadores positivados passarão por novas testagens. O Clube reforça a importância dos protocolos sanitários adotados e que tais medidas de prevenção permitem manter o ambiente saudável no CT Parque Gigante’.

Veja também

+ Neto de Elvis Presley é encontrado morto, diz site
+ Gafanhotos: cidade na Bahia enfrenta invasão de insetos
+ Usado: Toyota Corolla é carro para ficar longe da oficina
+ Cientistas localizam o centro do Sistema Solar — e advinhem, não é o Sol
+ Filho de David Beckham fica noivo de atriz filha de bilionário
+ Royal Enfield Interceptor 650 a moto mais vendida no Reino Unido
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior