Saúde da mulher

Quantas amêndoas por dia você deve comer?

E o número mágico é...


Você provavelmente ouviu alguma vez na vida que amêndoas fazem muito bem à saúde. Entre outras coisas, elas ajudam a baixar a pressão sanguínea, satisfazem, são fontes de fibras e proteínas, e podem facilmente ser guardadas na bolsa para um lanchinho. Agora, existe mais uma razão para considerar desenvolver o hábito de comer a fruta oleaginosa: Ela pode ajudá-la a caber em seus jeans novamente.

Quantas amêndoas por dia você deve comer?
Quantas amêndoas por dia você deve comer? (Crédito:Pixabay)

+ 12 alimentos mais ricos em vitamina C do que a laranja
+ Como fazer o cabelo crescer: 3 tratamentos inovadores
+ Machistas têm maior predisposição a problemas psicológicos
+ Ejaculação feminina: afinal, é mito ou verdade?

Um novo estudo publicado no periódico internacional Journal of Nutrition descobriu uma relação entre o consumo diário de amêndoas e a perda de peso, especificamente gordura abdominal.

Quantas amêndoas por dia: O estudo

Para o estudo, os pesquisadores acompanharam 86 pessoas com sobrepeso ou obesas em uma dieta de restrição de calorias por 12 semanas. Alguns dos participantes comeram 35 gramas (cerca de ¼ de xícara) de amêndoas torradas, ligeiramente salgadas, por dia e o outro grupo estava em uma dieta sem oleaginosas. Os pesquisadores descobriram que aqueles que ingeriram as amêndoas perderam mais gordura total e abdominal do que os que não comeram.

Não é totalmente uma surpresa que as amêndoas podem ajudar as pessoas a perder peso – elas têm grandes quantidades de proteína que combatem a fome e gorduras monoinsaturadas que satisfazem. Ambas ajudam na perda de peso (1/4 xíc. (chá) de amêndoas tem 6 gramas de proteínas e 9 gramas de gordura monoinsaturada). Mas não podemos negar que a parte da gordura abdominal é quase uma surpresa.

De acordo com o estudo, pessoas que comeram amêndoas perderam mais de 1 % da gordura abdominal, enquanto os companheiros que não comeram perderam menos de 0,5%.


+ Mãe conta à polícia que ateou fogo e matou bebê por ‘vergonha’ de ter a gravidez descoberta
+ Após ameaças, soldada da PM denuncia coronel por assédio sexual
+ Youtuber é perseguido por jacaré de três metros: veja vídeo



Os pesquisadores dizem que o bônus da queima abdominal pode ter algo a ver com o alto teor de gordura insaturada nas frutas oleaginosas. “Elas têm altas taxas de oxidação de gordura que podem reduzir a gordura visceral”, segundo os autores do estudo.

Mas antes de mergulhar de cabeça em um potinho de amêndoas, tenha isso em mente: Pessoas que perderam peso durante o estudo somente consumiram ¼ de xícara de amêndoas, o que manteve suas calorias baixas. Além disso, eles estavam numa dieta restritiva de calorias, então era um pouco óbvio que perderiam peso, independentemente se estavam comendo oleaginosas ou não.

Dito isto, se você está querendo diminuir um pouco sua circunferência abdominal, provavelmente não é uma má ideia inserir amêndoas em seu plano de alimentação saudável.

Veja também

+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tenha também a Istoé no Google Notícias
+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS