Esportes

Puig entra na mira do Porto e pode deixar o Barcelona por empréstimo

Jogador não terá espaço com Ronald Koeman e já ouviu do treinador que um empréstimo será bom à carreira. Atleta, no entanto, deseja permanecer no Barcelona

Puig entra na mira do Porto e pode deixar o Barcelona por empréstimo

O jovem Riqui Puig, do Barcelona, entrou na mira do Porto, atual campeão português. Segundo informações do jornal lusitano “Record”, os Dragões tentarão o empréstimo do atleta de 21 anos antes do fim da janela de transferências, que se encerra no dia 5 de outubro.

Após a conquista do Troféu Joan Gamper, no último dia 19, o técnico blaugrana, Ronald Koeman, afirmou que alguns jogadores da base não teriam muitos minutos na temporada e que um empréstimo seria benéfico. Entre eles, o holandês incluiu Puig.

No entanto, dias depois da declaração do comandante culé, Puig afirmou que tem o desejo de continuar no Barcelona e quer lutar por seu espaço, mesmo sabendo que será difícil. Na goleada do Barça sobre o Villarreal no último domingo, Puig foi opção no banco de reservas.

Em Portugal, o técnico Sergio Conceição, que comanda a equipe azul e branca, acredita que a chegada de Puig seria interessante visando a temporada e a Liga dos Campeões, que o Porto disputará a fase de grupos.

Veja também

+ Confira 4 dicas para descobrir se o mel é falsificado

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ App permite testar melhor design de sobrancelhas para você

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar