Economia

Publicada portaria que corta R$ 4,69 bi do Orçamento para adequar gastos a teto


O Ministério do Planejamento publicou no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 2, portaria que bloqueia R$ 4,69 bilhões do Orçamento de 2017 para adequar as despesas do ano à nova lei que impôs um teto para os gastos federais. O corte havia sido anunciado pelo ministro da pasta, Dyogo Oliveira, na terça-feira, 31 de janeiro. De acordo com o ministro, o corte foi feito em pagamento de pessoal, emendas parlamentares não obrigatórias e Previdência.

Na segunda-feira, 30, o Tesouro Nacional anunciou que as despesas sujeitas ao teto de gastos totalizaram R$ 1,214 trilhão em 2016, valor que, corrigido por uma inflação de 7,2%, resultou em um limite de até R$ 1,301 trilhão em 2017. Como a Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2017 autorizou despesas de até R$ 1,306 trilhão foi necessário o bloqueio.


Saiba mais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ Andressa Urach pede dinheiro na internet: ‘Me ajudem a pagar a fatura do meu cartão’
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua