Esportes

PSG vence Atalanta de virada no fim (2-1) e se garante nas semis da Champions

Com dois gols nos acréscimos, o Paris Saint-Germain venceu o Atalanta por 2 a 1 em uma virada espetacular nesta quarta-feira, em Lisboa, e conseguiu se classificar para as semifinais da Liga dos Campeões pela primeira vez em 25 anos.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

O brasileiro Marquinhos (90) e o camaronês Eric Maxim Choupo-Moting (90+3) fizeram o PSG renascer das cinzas no primeiro duelo das quartas de final do ‘Final 8’ da Champions, para a grande decepção do time italiano, que vencia por 1 a 0, com um gol marcado aos 27 minutos pelo croata Mario Palisic e tinha a classificação nas mãos.

Foi uma noite de comemoração para o Paris Saint-Germain, no 50º aniversário de sua fundação (12 de agosto de 1970).

Desde 1995, o time francês não chegava às semifinais do principal torneio europeu de clubes quando foi eliminado pelo poderoso Milan do técnico Fabio Capello e ficou fora da final.

O time parisiense vai enfrentar na terça-feira da próxima semana o vencedor do duelo entre Atlético de Madrid e RB Leipzig, que entram em campo nesta quinta-feira em outro jogo das quartas de final.

Depois de conquistar os quatro títulos das competições nacionais (Ligue 1, Copa da França, Copa da Liga da França, Supercopa da França), o PSG tem pela frente o desafio de ser campeão europeu pela primeira vez, grande obsessão do clube e de seus proprietários cataris.

Depois de sete anos consecutivos sendo eliminado nas oitavas ou nas quartas de final, o Paris Saint-Germain agora sobe um degrau e se aproxima de seu sonho.

Kylian Mbappé, lesionado no tornozelo há quase três semanas, conseguiu voltar e disputou a última meia hora do jogo. A má notícia para o clube francês foi a lesão do goleiro Keylor Navas, que teve de ser substituído na reta final (79) e vinha fazendo uma bela partida.

A eliminação do Atalanta deixa o futebol italiano sem representantes nesta Liga dos Campeões. Na sexta-feira passada, a Juventus de Cristiano Ronaldo foi eliminada nas oitavas de final por outro clube francês, o Lyon, e no sábado o Napoli perdeu para o Barcelona, também nas oitavas.

– 1º tempo eletrizante –

O técnico do Paris Saint-Germain, Thomas Tuchel, que optou por um esquema de 4-3-3, escolheu Ander Herrera para substituir o lesionado Marco Verratti na equipe titular, enquanto Kylian Mbappé foi poupado no primeiro tempo.

Na ausência do jovem campeão do mundo e de Ángel Di María (que cumpriu suspensão automática), entre os titulares da equipe parisiense as esperanças de gol ficaram depositadas nos pés de Neymar, apoiado por Mauro Icardi e Pablo Sarabia.

No Atalanta, o técnico Gian Piero Gasperini escalou o colombiano Duván Zapata, que marcou 19 gols nesta temporada, para substituir Josip Ilicic.

Apesar dos desfalques o jogo começou agitado dos dois lados. Logo aos 2 minutos o atacante argentino do Atalanta, Papu Gómez, recebeu de Zapata e chutou rasteiro de pé esquerdo na entrada da área obrigando o goleiro Keylor Navas a fazer sua primeira grande defesa.

O PSG respondeu imediatamente com uma tabela rápida de Icardi com Neymar que avançou em velocidade e ficou cara a cara com o goleiro Sportiello. O brasileiro tentou encobrir mas mandou a bola pela linha de fundo.

Aos 10 minutos, o zagueiro holandês Hans Hateboer recebeu um lançamento de Papu Gómez na área e desviou de cabeça. Apesar do quique, Navas conseguiu salvar.

Um minuto depois, outra bola foi lançada na área parisiense e dessa vez foi Caldara quem desviou de cabeça, de costas para o gol. O goleiro costarriquenho mais uma vez brilhou, mostrando o mais puro reflexo. Apesar do perigo, o impedimento foi assinalado no lance.

Aos 14, Neymar avançou pela esquerda e arriscou, mas o chute saiu fraco e muito cruzado, pela linha de fundo.

O Atalanta abriu o placar aos 26 minutos. Zapata tabelou com Kimpembe na entrada da área, e a bola sobrou para Pasalic, que disparou uma bomba de pé esquerdo sem chances para Navas.

Quatro minutos depois, Neymar cobrou uma falta por cima da barreira. O chute saiu fraco e Sportiello não teve dificuldade para defender.

Aos 41 minutos, Hateboer recuou mal e a bola sobrou para Neymar avançar quase livre pela esquerda, mas o chute do brasileiro saiu péssimo e a bola foi para bem longe pela linha de fundo.

– Reação no fim –

Aos 15 minutos do segundo tempo ‘Papu’ Gómez, machucado, precisou ser substituído. Enquanto isso Tuchel colocou em campo sua grande esperança, Kylian Mbappé.

Apesar da recente contusão, o jovem francês deu trabalho à defesa do Atalanta. Aos 73 minutos de jogo ele avançou pela esquerda, invadiu a área e chutou para a defesa de Sportiello.

Já na reta final Mbappé penetrou na área e tentou de pé esquerdo mas Palomino chegou a tempo e conseguiu travar o chute (80).

Se por um lado, sua volta injetou ânimo ao PSG, por outro, a má notícia foi a lesão de Navas, que saiu para a entrada de Sergio Rico.

A medida que o tempo ia passando, o desespero ia aumentando para o time parisiense, assombrado pelo fantasma de mais uma eliminação prematura na Champions.

Mas foi uma jogada brasileira que evitou um novo desastre: Neymar recebeu uma bola lançada na área por Choupo-Moting e tocou para Marquinhos empurrar para o fundo das redes do Atalanta (90).

Quando tudo indicava que haveria uma prorrogação e mais sofrimento, foi a vez de Mbappé receber um belíssimo passe de Neymar e tocar para o camaronês marcar e garantir a classificação.

“Foi uma noite fantástica. O Atalanta é uma grande equipe, jogou muito bem e é a surpresa da competição. O time tem sido muito agressivo. Sabíamos que iam colocar pressão em campo. Estamos muito contentes por termos feito uma grande partida”, analisou Neymar em entrevista à rede de televisão RMC Sport.

“Vamos ter que descansar. Foi um jogo difícil mentalmente. Em nenhum momento achei que íamos voltar para casa. Do início ao fim, desde o aquecimento, pensamos apenas em nos classificar para as semifinais. Tenho na minha cabeça que vamos chegar na final. Ninguém vai tirar da minha cabeça que vamos disputar o título”, acrescentou o craque de 28 anos, eleito o melhor da partida.

yk-ah-ama/jed/dr/aam

Veja também

+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’

+Após ficar internada, mulher descobre traição da mãe com seu marido: ‘Agora estão casados’

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea