ISTOÉ Gente

Projeto de lei em homenagem a Paulo Gustavo pode injetar mais de R$ 4 bilhões no setor cultural

Crédito: Gustavo Stephan

A PROVA DA ALEGRIA Nenhum outro país perdeu para a Covid-19 um ídolo da magnitude e da juventude de Paulo Gustavo (Crédito: Gustavo Stephan)


Um projeto de lei que visa garantir ações emergenciais voltadas ao setor cultural do Brasil pode injetar cerca de R$ 4 bilhões na área no país. Apelidada de “Lei Paulo Gustavo“, o projeto segue em consulta pública na internet e será votado pelo Senado entre 28 de junho e 2 de julho.

Rose Miriam Di Matteo, ex-companheira de Gugu, muda visual e ganha elogios: ‘Linda’

Gloria Perez detona Código Penal Brasileiro em rede social: ‘Saidinhas’

Os responsáveis pelo projeto justificam a lei dizendo que a cultura é de extrema importância para a formação da sociedade e também no aspecto econômico. “O setor cultural equivale a 2,67% do PIB brasileiro e representa cerca de 5,8% do total de ocupados no país, isto é, quase 6 milhões de pessoas”, diz o projeto. A lei vai resgatar o setor audiovisual, além de apoiar produções, cineclubes, salas de cinema, mostras ações de capacitação e festivais.

Veja também
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ 15 cores de armários de cozinha que nunca sairão de moda
+ Conheça Emily Ratajkowski a modelo inglesa com mais de 28 milhões de seguidores
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago