O Dia

Principal responsável pela construção dos prédios que caíram na Muzema é preso em PE

José Bezerra de Lira, o Zé do Rolo, foi encontrado em um sítio que fica a 380 km de Recife

Crédito: Reprodução/ TV Globo

Desabamento atingiu dois prédios na comunidade da Muzema, na Zona Oeste do Rio (Crédito: Reprodução/ TV Globo)

Afogados da Ingazeira – A Polícia Militar de Pernambuco prendeu, na tarde desta quarta-feira, o suspeito de ser o principal responsável pela construção dos prédios que desabaram na Muzema, no último dia 12 de abril. José Bezerra de Lira, conhecido como Zé do Rolo, de 42 anos, foi encontrado em um sítio de um dono de posto de combustível no município de Afogados da Ingazeira, que fica a cerca de 380 km de Recife.
De acordo com a PM de Pernambuco, Zé do Rolo tentou fugir pela caatinga da região quando os policiais chegaram no sítio. Ele, que é natural de Brejinho, município vizinho de Afogados, foi encontrado com duas espingardas e munições e disse que fugiu do Rio temendo represálias da milícia da Muzema. Outros dois homens que estavam com ele também foram detidos.
Contra Zé do Rolo havia um mandado de prisão preventiva expedido pelo Tribunal de Justiça do Rio (TJRJ) por homicídio qualificado das 24 pessoas que morreram na tragédia. Ele e mais outras duas pessoas são apontadas como responsáveis pela construção e venda dos imóveis que desabaram.
Os outros envolvidos na venda dos empreendimentos, Rafael Gomes da Costa e Renato Siqueira Ribeiro foram presos no Rio no dia 18 de maio e 5 de julho, respectivamente.
FUGA PARA O NORDESTE
Logo após a tragédia, a polícia já tinha informações de que Zé do Rolo havia fugido para o Nordeste. De acordo com as investigações, ele havia deixado Pernambuco para trabalhar como pedreiro no Rio até se envolver com a milícia da Muzema.
O Disque Denúncia oferecia uma recompensa de R$ 1 mil para quem desse informações sobre seu paradeiro.
Ainda não há previsão de transferência do criminoso para o Rio.