Brasil

PRF apreende carro com R$ 49 mil de multas e dono quita débito para recuperar veículo

Crédito: PRF/ Divulgação

Multas do veículo (Crédito: PRF/ Divulgação)

O caso aconteceu na última quinta-feira (30) na BR-060 em Sindrolândia, em Mato Grosso do Sul. A Polícia Rodoviária Federal apreendeu um veículo que continha 124 multas, o que totalizava um débito de R$ 49 mil.

No entanto, o que causou mais surpresa aos policiais foi que o motorista, de 61 anos, pagou as multas do veículo, que é de origem paraguaia, para ter de volta o carro, conforme apuração do G1.

“Foi uma surpresa sim por conta do valor alto das multas, é praticamente o mesmo valor do carro. No emitimos uma guia para o condutor e ele foi a uma agência bancária e pagou as multas” , disse o chefe do setor de comunicação da PRF, Tércio Baggio ao G1.

Veículo apreendido pela PRF por excesso de multas (Crédito:PRF/ Divulgação)

A atitude incomum do motorista levantou suspeitas dos agentes, que, por conta disso, realizou uma revista detalhada no carro.

“O veículo ficou retido por 5 horas, revistamos tudo, a desconfiança era de que poderia haver drogas ou dólares escondidos em algum compartimento, porém, nada foi encontrado”, disse Baggio.

+ Menina engasga ao comer máscara dentro de nugget do McDonald’s

O homem, de acordo com a polícia, tem dupla cidadania, brasileira e paraguaia. O motorista, que também é advogado, revelou não saber das multas do veículo e contou que vem ao Brasil para visitar o pai no Mato Grosso.

Os policiais também verificaram a carteira de habilitação do homem, que é paraguaia, e liberaram o carro para o dono.

Veja também

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Gésio Amadeu, o Chefe Chico de Chiquititas, morre após contrair Covid-19

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?