Mundo

Presidente do Sri Lanka dá poder de polícia ao Exército

COLOMBO, 22 ABR (ANSA) – O presidente do Sri Lanka, Maithripala Sirisena, conferiu poderes de polícia ao Exército por conta dos atentados que mataram quase 300 pessoas no último domingo (21).   

Com isso, os militares terão amplas prerrogativas para prender suspeitos, assim como já ocorrera durante a guerra civil no país (1983-2009).   

O primeiro-ministro Ranil Wickremesinghe disse temer que os ataques joguem a ilha em uma nova fase de instabilidade e que é preciso “dar às forças de defesa todos os poderes necessários” para identificar e capturar os terroristas. (ANSA)