Mundo

Presidente do Parlamento catalão acusa governo espanhol de espionagem

Presidente do Parlamento catalão acusa governo espanhol de espionagem

Presidente do Parlamento catalão, Roger Torrent, em entrevista coletiva em 14 de julho de 2020, em Barcelona - AFP

O presidente do Parlamento regional da Catalunha, o separatista Roger Torrent, responsabilizou o Estado espanhol, nesta terça-feira (14), pela espionagem de seu telefone celular em 2019, uma acusação logo rejeitada pelo Executivo de Pedro Sánchez.

Em entrevista coletiva hoje, Torrent comentou a informação publicada nos jornais “El País” e “The Guardian”. Ambos apontam que o celular do líder catalão foi espionado por um software de fabricação israelense, o qual se aproveitou de um falha de segurança do Whatsapp.

Torrent foi uma das mais de 100 personalidades espionadas entre abril e maio de 2019, de um total de 1.400 terminais infectados pelo Pegasus, acrescentam os dois veículos, que se baseiam nas investigações do Citizen Lab, uma instituição canadense ligada à Universidade de Toronto.

Ainda segundo os jornais, o programa pode ser comprado apenas por governos e forças de segurança e permite ler mensagens e ativar câmera e microfone remotamente.

“A existência dessas práticas evidencia a existência de uma causa geral contra o separatismo” no Estado espanhol, denunciou Torrent, que pediu que “se investiguem os fatos e se apurem todas as responsabilidades”.

+ Menina engasga ao comer máscara dentro de nugget do McDonald’s

Uma fonte da Presidência do Executivo espanhol negou claramente as acusações e disse à AFP que “o governo não tem conhecimento” de que Torrent, assim como um ativista e a ex-deputada regional catalã Anna Gabriel “tenham sido alvo de uma invasão de seus celulares”.

Veja também

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?