Esportes

Presidente do Estudiantes, Verón revela interesse em Daniel Alves, do São Paulo

Em meio à escassez futebolística proporcionada pela pandemia do novo coronavírus, denominado covid-19, personalidades do esporte, ao redor do mundo, aderiram a execução, quase diária, de “lives” em suas redes sociais com o intuito de manter a proximidade e o contato com seus fãs. No mesmo caminho, Juan Sebástian Verón, ex-jogador e atual presidente do Estudiantes, da Argentina, afirmou, em uma de suas transmissões ao vivo, que o clube estaria interessado em Daniel Alves, do São Paulo.

“Vou conversar com Daniel Alves para ver o que ele diz e se tem vontade de vir”, respondeu Verón, ao ser questionado sobre a contratação de possíveis reforços.

Apesar do interesse, o caminho para que a contratação do jogador seja concretizada não é nada fácil. O lateral-direito chegou com moral no São Paulo e passou por dificuldades, mas agora se estabelece como referência para os companheiros de equipe – não à toa é o capitão do elenco titular do técnico Fernando Diniz.

Por mais que o desejo de Verón seja inesperado para muitos, os torcedores do Estudiantes já estão anestesiados com a chegada de veteranos como Daniel Alves. O clube de La Plata contratou um ex-colega de equipe do lateral-direito dos tempos de Barcelona: Javier Mascherano. Além do experiente volante, o defensor Marcos Rojo, do Manchester United, também foi repatriado.

“Javier está muito contente (aqui) e esperamos ficar com ele por muito tempo. Marcos também está bem. Seguramente vai prorrogar (seu contrato de empréstimo)”, afirmou o presidente.