ISTOÉ Gente

‘Preocupante’, diz Fátima Bernardes ao não concordar com prioridades de Bolsonaro

Crédito: Reprodução/Instagram

Fátima Bernardes e Jair Bolsonaro (Crédito: Reprodução/Instagram)


Sem concordar com as recentes declaração do presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (sem partido), que pretende retomar o voto impresso no Brasil, na manhã desta sexta-feira (07), ao falar sobre os assuntos do momentopande na internet em seu programa “Encontro”, Fátima Bernardes fez uma crítica ao chefe de Estado.

“Ontem o presidente disse que se não tiver voto impresso, em 2022 não haverá eleições. Muito preocupante essa afirmação e eu fico pensando se este é o assunto mais prioritário no momento que estamos vivendo”, disse a apresentadora, se referindo que estamos numa pandemia, algo que é bem mais importante se preocupar no momento.

Bernardes ainda completou sua indignação: “Além disso, todas as pessoas que estão discutindo esse assunto, na verdade, foram eleitas pelo voto em urna eletrônica. Então… será que é isso que temos que estar discutindo nesse momento?”.

Não é de hoje que Bolsonaro apoia a votação impressa. Após o ministro do Supremo Tribunal Federal e do Tribunal Superior Eleitoral, Luís Roberto Barroso, dizer que o método seria um caos, o político rebateu: “Eu acho que ele [Barroso] é o dono do mundo, o Barroso, só pode ser, o homem da verdade absoluta, não pode ser contestado. Ninguém mais aceita o voto que tá aí, como vai dizer que esse voto é preciso, legal, é justo? Se o Parlamento brasileiro, por maioria qualificada, por 3/5 da Câmara e no Senado, aprovar e promulgar, vai ter voto impresso em 2022 e ponto final. Vou nem falar mais nada, vai ter voto impresso. Porque se não tiver voto impresso é sinal de que não vai ter eleição, acho que o recado tá dado. Não sou dono da verdade, mas eu respeito o Parlamento brasileiro assim como eu respeito o artigo quinto da Constituição”.

“Quem acha que não tem fraude, porque está com medo do voto impresso? Quem quer uma democracia e quer que o voto valha de verdade, tem que ser favorável. Parabéns a Bia Kicis, autora do projeto e ao Arthur Lira. Quem for contra, ou acredita em Papai Noel ou tá do lado do Barroso, ou sabe que pode ter fraude e acha que irá se beneficiar”, encerrou o executivo.

Veja também
+ Joice Hasselmann aparece com fraturas e diz acreditar ter sido vítima de ‘atentado’
+ Pintor é expulso de rodízio por comer 15 pratos de massa; assista
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago