Economia

Prefeitura do Rio diz que foi a Brasília buscar recursos necessários a município

A Prefeitura do Rio informou nesta quarta-feira, 11, a pedido do Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado), que “o prefeito (Marcelo Crivella) foi a Brasília e está empenhado em buscar recursos necessários ao município”.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Mais cedo, o presidente da República, Jair Bolsonaro, disse que Crivella (Republicanos) pediu recursos para pagar o 13º salário de servidores estaduais em reunião na terça-feira no Palácio do Planalto. “Está com a corda no pescoço, como um montão de prefeitos, governadores. Está buscando recursos para pagar o 13º. Se por possível e legal, nós vamos atendê-lo”, disse Bolsonaro.

Questionado se a União antecipará bônus de assinatura pelo leilão do pré-sal, Bolsonaro disse que “tem várias coisas em jogo”. “(Crivella) Foi atrás de ministérios, da Caixa. Está correndo atrás aí.”

Atualmente, Crivella enfrenta uma grave crise na área de Saúde. Servidores estão paralisados, e diversas unidades estão sem funcionar. Os funcionários alegam que, por causa da falta de pagamentos – os salários estão atrasados em dois meses -, a manutenção do trabalho é inviável.

“Pela falta inclusive de alimentação nos locais de trabalho, o que é um direito de plantonistas, há profissionais passando fome”, diz uma nota divulgada pela prefeitura do Rio nesta segunda-feira, 9.

Veja também

+Cidadania divulga calendário de pagamentos da extensão do auxílio emergencial

+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea