Coronavírus

Prefeito de Salvador cogita adiar carnaval se não houver vacina para Covid-19

Crédito: Divulgação

Prefeito de Salvador, ACM Neto, durante coletiva de imprensa (Crédito: Divulgação)

O prefeito de Salvador (BA), ACM Neto, disse durante coletiva de imprensa nesta segunda-feira (13) que o carnaval de 2021 pode ser adiado na cidade se não houver uma vacina para a Covid-19 que garanta uma imunização coletiva até novembro. As informações são do G1.

Segundo ACM, a principal festa da cidade só deve acontecer caso os governos consigam garantir segurança à saúde da população e evitem o contágio do novo coronavírus.

“Penso eu, que seria uma boa alternativa nós discutirmos o adiamento do carnaval para o final do mês de maio ou começo do mês de junho, sem que ele conflite com o calendário junino”, disse o prefeito da capital baiana fazendo referência ao São João.

ACM ainda disse que vai dialogar com prefeitos de outras capitais, como Rio de Janeiro e São Paulo, para estabelecer um calendário comum para o carnaval.

 

+ Briga de vizinhos termina com personal trainer morta a facadas no interior de SP

 

 

Veja também

+ Quarta parcela do auxílio sai hoje (14) para os nascidos em agosto

+ Cunhado de Maradona morre de Covid-19 na Argentina

+ Nazistas ou extraterrestres? Usuário do Google Earth vê grande ‘navio de gelo’ na costa da Antártida

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?