Geral

PR: Universidade investiga mais de 150 casos de intoxicação alimentar de alunos e professores

Crédito: Divulgação/UTFPR

A universidade afirmou que está em dia com as normas sanitárias (Crédito: Divulgação/UTFPR)

Alunos e professores da Universidade Tecnológica Federal do Paraná [UTFPR] alegam que sofrerm intoxicação alimentar na última semana após ingerirem alimentos dos restaurantes universitários nas sedes Centro e Ecoville, ambos em Curitiba. As informações são do UOL.

De acordo com a publicação, pelo menos 170 casos foram identificados em um formulário organizado pelos estudantes. A suspeita em relação ao refeitório começou quando vários alunos começaram a relatar problemas de saúde.


Em nota, a UTFPR disse que está ciente dos casos nas duas sedes e que recebeu uma visita da Vigilância Sanitária Municipal, onde nenhuma irregularidade foi encontrada “seja nos ambientes ou nos procedimentos de funcionamento”.

“Desde o primeiro relato, recebido em 18/05, a Comissão vem monitorando o ocorrido e verificando todos os detalhes narrados para que sejam tomadas as medidas cabíveis para que seja possível elucidar os fatos e apurar as responsabilidades, inclusive com a instauração de Processo Administrativo Sancionatório contra a empresa contratada”, disse, em nota, a universidade.

A UTFPR ainda declarou que serve, em média, 2 mil refeições e que os restaurantes universitários seguem atendendo alunos e professores normalmente.