Geral

PR: Médica é suspensa em Almirante Tamandaré após xingar pacientes nas redes sociais

Crédito: Reprodução/Twitter

Uma das publicações polêmicas da médica paranaense (Crédito: Reprodução/Twitter)

Uma médica viralizou nas redes sociais após publicar ofensas a pacientes. Nesta terça-feira (24), ela se desculpou depois de virar alvo de sindicância do Conselho Regional de Medicina do Paraná (CRM-PR). As informações são do G1.



+ 10 motivos para namorar uma pessoa de Sagitário
+ Previsões de Nostradamus: Asteroide e ‘fim de todo o mundo’
+ SP: Tribunal do PCC mata dois homens que desviaram R$ 500 mi de garagens de ônibus

O site entrou em contato com a médica, terceirizada de uma Unidade de Pronto Atendimento [UPA] de Almirante Tamandaré, próximo a Curitiba. Ela alega que as postagens foram feitas quando estava cansada e estressada.

Apesar do pedido de desculpas, a funcionária foi suspensa pela prefeitura de Almirante Tamandaré enquanto o caso é apurado.

“Reconheço ter errado, especialmente pela forma como escrevi as mensagens, mas ressalto que a forma de indignação foi pensando no bem estar geral dos pacientes”, disse a médica ao G1.

“Entendo que todos mereçam ótimo tratamento e foi assim que sempre agi, porém sempre me preocupei que pessoas com sintomas que deveriam ser tratados em UBS e serviços ambulatoriais pudessem causar filas que gerassem risco ao atendimento de pessoas em situações de urgência/emergência”, completou.

Nas redes sociais, a médica xingou um paciente que foi até o pronto atendimento durante a madrugada por conta de uma infecção urinária. Em outras publicações, ela ofendeu uma gestante e também criticou outras pessoas atendidas no local.