Um homem, identificado como Felipe Britto, gerente de inovação de 34 anos, foi agredido pelo vizinho dentro de um elevador em um condomínio em Pinheiros, na zona oeste da cidade de São Paulo, por conta de uma discussão relativa ao cachorro da vítima, na madrugada da sexta-feira, 7. Imagens de câmeras de segurança registraram toda a ação. As informações são do Primeiro Impacto, do SBT News.

+ Homem que atirou em vizinho negro em Mogi das Cruzes é preso; vítima recebe alta

+ GO: Jovem envia carta contando a vizinhos que é agredido pelo pai por ser gay

Confira o vídeo:

A vítima, identificada como Felipe Britto, de 34 anos, ficou no chão após ser agredida (Crédito: Reprodução/Redes Sociais)

Nas imagens, é possível ver o momento em que o vizinho, que aparece de jaqueta preta, espera a esposa sair do elevador para dar uma “ombrada” em Britto e, posteriormente, um soco no rosto. As agressões teriam acontecido por conta do cachorro vira-lata caramelo da vítima, apelidado de “Farofa”.

De acordo com o gerente, o vizinho já havia pedido para que ele colocasse uma focinheira no animal enquanto passeava pela área comum do condomínio. Entretanto, conforme Britto, tal atitude não seria necessária pelo fato de o pet ter apenas 17 quilos e não representar perigo.

A vítima também alega que o suspeito também o encarou quando notou que ela estava acompanhada pelo seu marido. O caso foi registrado pelas autoridades como lesão corporal e ameaça. Apesar disso, o acusado não foi identificado, já que o condomínio se recusou a divulgar seu nome.