Um estudante de 23 anos que cursava nutrição foi encontrado morto dentro de um carro durante a madrugada desta quinta-feira, 23, em Criciúma (SC) – cidade que fica a cerca de 205 quilômetros de Florianópolis. Eduardo Bardini da Silva havia acabado de sair de uma academia antes de entrar no veículo.

O corpo foi encontrado cinco horas depois pelas autoridades locais. A Polícia Civil de Santa Catarina supõe que o jovem tenha sofrido uma “morte súbita”.

+ SC: autoridades confirmam que jovens mortos em BMW sofreram asfixia por monóxido de carbono

+ Vídeo: cobra invade casa, destrói garrafas de bar e é capturada em SC

Eduardo Bardini da Silva era original de São Ludgero (SC) e estava se mudando para Criciúma. O estudante já havia participado de um congresso de nutrição funcional em Florianópolis entre os dias 24 e 25 de maio.

Às forças de segurança, testemunhas relataram que, por volta das 19h da quarta-feira, 29, Bardini deixou a academia durante os treinos por alegar uma indisposição. Imagens de câmeras de segurança do estabelecimento mostram o estudante entrando em seu veículo no estacionamento.

A Polícia Militar de Santa Catarina foi acionada por pessoas que viram o jovem com a cabeça encostada no volante e o Corpo de Bombeiros chegou ao local pouco depois da meia-noite, constatando o óbito.

Na análise das autoridades, foi determinado que Bardini sofreu com um tromboembolismo pulmonar e cardiopatia dilatada, problemas de saúde que costumam estar associados à morte súbita em pessoas aparentemente saudáveis. O corpo passou por necropsia e foi liberado para enterro.

*Com informações do Estadão